O prazo para inscrição na 18ª Meia Maratona do Tocantins termina no próximo domingo, 18, às 23h59 (horário de Brasília). Quase 700 pessoas já se inscreveram para a tradicional corrida, promovida pela Secretaria de Estado da Educação, Juventude e Esportes (Seduc). Foram disponibilizadas mil vagas. A competição será realizada dia 1º de dezembro, sábado, em Palmas, com largada às 18 horas, no estacionamento do memorial Coluna Prestes, na Praça dos Girassóis, com R$ 55.100,00 em prêmios, para serem divididos entre os primeiros colocados das diversas categorias.

As inscrições são feitasexclusivamente pela internet, no site www.centraldacorrida.com.br. A inscriçãoé no valor de R$ 35,00 mais a taxa administrativa do site. A organizaçãoinforma, aos atletas, que quem deixar para se inscrever nos últimos dias doprazo estipulado não será mais possível o pagamento por meio de boletobancário, apenas na forma de crédito ou débito.

Os corredores acima de 60 anosterão desconto de 50% no valor da inscrição e os participantes da Corrida Estudantil, Corrida Paralímpica e Corrida para atletas da Apae têm direito àinscrição gratuita.

Além da prova de 21 km, também faz parte da Meia Maratona do Tocantins a Corrida Popular de 7 km, Corrida Estudantil, Paralímpica e para alunos da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) de 1 km, e Corrida de Revezamento na distância de 7 km, em que cada atleta deve percorrer 3,5 km.

Segundo a equipe técnica da prova, quase todas as vagas da Corrida Paralímpica já estão preenchidas. Foram disponibilizadas 40 vagas. Vittória Hivana Dimontalverde Suarte, de Palmas, tem paralisia cerebral, e já participou de outras edições da Meia Maratona em cadeira de rodas com ajuda da mãe, a servidora da Seduc, Lethycia Suartte. Neste ano, Vittória vai correr sem a ajuda da mãe, estreando na modalidade petra, ou seja, apoiada por um equipamento parecido com uma bicicleta, com suporte para tronco, assento, guidão e três rodas, voltado para atletas com paralisia cerebral.

“Vittória disse que não queria mais correr em cadeira de rodas, porque apesar da paralisia, tem condição de correr com as próprias pernas. E o Instituto Reviver, do qual ela faz parte, providenciou o aparelho. Vitória está animada com essa nova possibilidade e, inclusive, já fizemos treinamentos com andador em outra prova em Palmas. Agora, vamos intensificar a preparação para a Meia Maratona do Tocantins”, ressaltou a mãe, Lethycia.

Novo percurso

Diferente das últimas edições, neste ano, o percurso da Meia Maratona do Tocantins não será integralmente na Avenida Teotônio Segurado. O novo trajeto da prova será definido em reunião nesta quarta-feira, 14, na Seduc, a partir das 15 horas, entre a equipe técnica da Superintendência de Esportes e Lazer da Seduc e as forças de segurança, a fim de estabelecer todo o esquema a ser adotado durante a corrida.

Entre os parceiros, participam dareunião representantes da Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, DepartamentoEstadual de Trânsito (Detran) e Secretaria Municipal de Segurança e MobilidadeUrbana. (Alcione Luz /Governo do Tocantins)

Posts Recentes

Categorias

By Editor

Webjornalista & blogueiro

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Show Buttons
Hide Buttons